A maturação dos queijos pode ser definida como um conjunto de reações bioquímicas e microbiológicas que modificam a sua composição química. Você sabia que existem várias maturações diferentes?

Acompanha a leitura e descubra os tipos de maturação do queijo.

O que é a maturação?


Consiste em uma série de processos físicos, bioquímicos e microbiológicos que ocorrem em todos os queijos. Estes processos alteram a composição química dos queijos, principalmente no que tange a seu conteúdo em açúcares, proteínas e lipídios.

O tempo de maturação varia para cada tipo, e são neste processo que se desenvolvem as características e textura de cada um deles.

A maturação dos queijos é realizada na maioria das vezes, em câmaras frigoríficas com controle de temperatura e umidade. O tempo de maturação varia de acordo com o tipo de queijo, podendo variar Desenvolvimento do sabor; Desenvolvimento do aroma; Desenvolvimento do aspecto (tipo de casca); Formação de textura.  

A manutenção da temperatura correta e estável durante a maturação pode significar a diferença entre o fracasso e o sucesso. A maioria dos queijos são maturados em ambiente com a temperatura entre 7 °C a 14 °C. A temperatura do refrigerador doméstico é geralmente próximo dessa faixa. Dependendo do queijo produzido, pode haver etapas diferenciadas, em que cada etapa possui uma temperatura específica.

Gostou de saber disso? Entendeu mais sobre os tipos de maturação do queijo ? Curte e siga nosso blog e fique por dentro das curiosidades do mundo dos laticínios.

Rolar para cima
Copy link
Powered by Social Snap