Você sabe quais tipos de ordenha existem? Há dois tipos de ordenha: o manual e o mecânico. Os dois métodos se diferenciam, basicamente, pelo uso ou não de um equipamento acoplado no úbere das vacas. É importante destacar que a técnica escolhida não interfere na qualidade do leite, desde que todas as boas práticas e higiene de ordenha sejam seguidas corretamente.

Ordenha manual

Na ordenha manual, o leite é retirado diretamente pelas mãos do tratador e posto em um balde. São necessários, de forma geral, poucos e simples instrumentos: peia para conter a vaca, banquinho para o tratador, balde, filtro e tanque de refrigeração.

Esse método é empregado por pequenos produtores, já que requer poucos recursos e, geralmente, o tamanho do rebanho não compensa o investimento em ordenha mecânica. Porém, exige mais mão de obra e resulta em baixa eficiência exatamente o contrário do que a ordenha mecanizada proporciona.

Ordenha mecânica

Já a ordenha mecanizada é realizada com o auxílio de um equipamento que simula a mamada do bezerro, em um sistema de dupla câmara com pulsado, que permite a realização de dois ciclos, um de massagem e outro de extração ordenha propriamente dito. Esse processo é mais eficiente, visto que é menos dependente de mão de obra experiente, embora seja necessária a capacitação do tratador para lidar com os equipamentos e utensílios.

Além disso, o método possibilita uma retirada mais rápida do leite, o que resulta em maior volume por dia, caracterizando um sistema intensivo de produção.

E aí, agora que você conhece os tipos de ordenha, quais deles você acredita ser o melhor?

 

 

 

Rolar para cima
Copy link
Powered by Social Snap